De joelhos e boca aberta para engolir armas químicas que mais ninguém aceitou

Portugal é o que mais defende a troika entre os resgatados

Portugal autoriza transbordo de armas químicas

Uma série de países incluindo os EUA, a Rússia, a Noruega, a Bélgica, a Turquia, a Jordânia e até a Albânia recusaram ser o caixote do lixo das armas químicas da Síria. Nenhum país aceitou receber as armas químicas! Qual o plano B? Livrarem-se delas no mar alto. Como na Itália há oposição…. Bora fazer isto ao largo dos Açores que eles até agradecem e pedem mais… É A PRIMEIRA VEZ QUE ISTO VAI SER TENTATO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Mais alguma info aqui, aquiaqui, aqui, aqui, aqui.

131205145711-cape-ray-story-top

De joelhos perante a Troika e a UE, a engolir as armas químicas que ninguém quer, assim é este governo… Não admira que depois recebem tachos no FMI, Goldmansachs e outras associações de criminosos.

PS – parece que PSD, PS e PCP estão de acordo… Qual a razão para se fazer um transbordo destes nos Açores? Qual o motivo para este não ser feito nos Estados Unidos, na Rússia, na França ou no Irão? Qual a razão para nós termos que aceitar um mal alegadamente necessário, quando os tipos que propuseram isto não acham necessário ou adequado fazê-lo nos seus territórios? (adaptado de um dos comentários abaixo).

Anúncios
Esta entrada foi publicada em 5dias. ligação permanente.

36 respostas a De joelhos e boca aberta para engolir armas químicas que mais ninguém aceitou

  1. Carlos Machado diz:

    Apoiado!

  2. nf diz:

    Estas aí com um problema de português. Não é dito que as armas químicas vão ser depositadas ou largadas ao largo dos Açores. É dito é que vai ser feito o transbordo.

    Isto é, neste momento as armas estão no navio dinamarquês, uma operação realizada em conjunto com a Noruega, e vão passar as armas químicas desse navio para um navio dos USA.

    Não me parece que esse transbordo seja uma coisa tentada pela primeira vez, nem seja altamente complicado.

    • Francisco diz:

      E depois do transbordo, onde é que os barcos vão processar as armas químicas? Ao largo de Nova York? E quantas vezes é que já se destruí este volume de armas químicas no mar alto?

      • nf diz:

        Segundo as fontes que foram fornecidas por ti, em águas internacionais.

        • Francisco diz:

          A quantas milhas das águas territoriais? A quantas milhas dos bancos de pescas? Como são as correntes marítimas? E se há uma tempestade (frequentes aí)? É impressionante como há gente que gosta mesmo de ser sodomizada a sangue frio… Façam isto na costa leste dos EUA, na Turquia, na França, na própria Síria, Irão ou na Rússia, para que raio vão fazer isto ao largo dos Açores????

          • nf diz:

            Podes então indicar as fontes que citam o local onde vai a ocorrer a hidrólise das armas químicas? É que até agora só se falou em transbordo. TRANSBORDO.

            Além do mais, a opção do porto italiano é até mais provável, devido ao mar picado do Atlântico Norte. Ora, se é posto em questão o transporte, devido ao estado do mar, não me parece que a hidrólise (caso esse tranporte e transbordo ao lardo dos Açores ocorra) seja realizada no mesmo mar.

          • Francisco diz:

            O que eu quero é a garantia absoluta que isto não vai ser feito em local nenhum a 2000 milhas das ilhas, nem onde alguma corrente, vento ou seja o que for possa trazer o que quer que seja para as ilhas. Mais, que haja garantia que nenhum banco de pesca vai ser afectado.
            Se calhar isto devia era ser feito pela tua garganta abaixo, esse sim era um belo e seguro local. Se o transbordo é na Terceira, então parece-me óbvio que o processo será feito em alto mar, mas ao largo das ilhas. E acima de tudo, isto precisa de ficar tudo muito bem explicado… se daqui a uns anos a malta começar a morrer de uns quantos cancros estranhos a responsabilidade é tua e dos outros lacaios desta corja.

    • T.Lopes ex-fuza diz:

      Entre o “transbordo” longe da vista do povinho que será obviamente proibido de ver ou assistir, devido à distancia em mar alto… quem me diz que não “cai” ao mar os bidões ?? Você punha as suas mãos no fogo, ou seja, já agora nos “químicos” a jurar???
      De tanto e tudo que já tenho visto, desde que fui militar… já duvido da sinceridade e promessas de quem nos governa.. quando há dinheiros por detrás… Já agora porque ao largo dos Açores e não mais próximo nos mares de origem ??? Virem para tão longe para um transbordo só porque têm uma base nas Lages? Os americanos não têm “porto” para barcos, mas sim lá aviões !!! A ver vamos !!!

  3. JgMenos diz:

    És uma verdadeira Besta Raivosa!

    • Eu não sei como aguentas tanto orgasmo. És um valente. É que os gajos assim que praticam mais uma mafiosice que é a toda a hora e instante, por isso deve ser complicado para ti estares sempre cheio de orgasmos. Pobre de ti. Podias era ter um orgasmo prolongado como a outra, e assim esticavas o pernil e ias ter com os teus idolos, salazar, mussolini, hitler, franco.

  4. Leitor Costumeiro diz:

    Há muitos anos que os Terceirenses têm umas das maiores taxas de incidência de cancro do país…Nunca ouvi ninguém dizer nada sobre isso…Apenas o transbordo vai ser feito em território nacional, a base das lajes já tem um porto americano que é o que deverá ser usado. Para uma operação deste tipo e pra tal quantidade qualquer ponto no Atlântico Norte é relativamente ao largo de NY. A técnica já é utilizada e os americanos são parvos mas nem tanto e não se pode pôr as armas debaixo do tapete…Há muito espaço para criticar os governos mas este é um mal necessário. O Japão fez bem pior com as águas de Fukushima…

    • Gambino diz:

      Sabes quantas portos e bases americanas há no Atlântico Norte? Sabes quantas bases navais há na Costa Leste? Não te parece estranho que tenham escolhido a zona menos habitada do Atlântico Norte e suficientemente longe dos EUA ou dos seus principais aliados Europeus para esta operação?

  5. Gambino diz:

    Portugal não está envolvido na Guerra Civil Síria: Não temos tropas ou interesses na região.

    Qual a razão para se fazer um transbordo destes nos Açores? Qual o motivo para este não ser feito nos Estados Unidos, na França ou no Irão? Qual a razão para nós termos que aceitar um mal alegadamente necessário, quando os tipos que propuseram isto não acham necessário ou adequado fazê-lo nos seus territórios?
    O nosso país está para venda e, ainda por cima, em saldos. Bastam uns quantos empregos de luxo para a corja que nos governa aceitar tudo e mais alguma coisa!

    • Francisco diz:

      Nem mais Gambino, é mesmo isso

    • Leitor Costumeiro diz:

      É óbvio que querem e vão envenenar os açoreanos todos….Nós estamos envolvidos, somos parte contratante dos tratados evocados pra resolver estas questões..O país está à venda SIM mas este não é o exemplo mais correto…Se algo correr mal nenhum sitio no AN será suficientemente longe…Eu concordo que isto seja feito em águas internacionais porque será sempre o local mais seguro porque não tem vizinhos..Sabes o que são Chemtrails? São bem piores para a saúde geral do ambiente, são usados quase todos os dias só existem nos países da NATO (especialmente na península ibérica) não vejo nenhum barulho sobre isso…Informem-se melhor nem tudo é o descalabro e há coisas mais graves pra falar…

      • Francisco diz:

        Então que façam em Águas internacionais ao largo dos EUA, no meio do pacífico ou para o Ártico. A quantas milhas vai ser? Não há ventos e correntes? E os bancos de pesca? Se é tudo na boa, façam isto na França ou nos EUA ou onde quiserem. Porque é que tem de ser nos Açores?

        • nf diz:

          A quantas milhas? a ZERO milhas… o transbordo vai ser feito mesmo num porto dos Açores.

          E a Alemanha já aceitou em receber os produtos resultantes da hidrólise.

          • Francisco diz:

            Devia era ser feito pela tua garganta abaixo, esse sim era um belo e seguro local. Se o transbordo é na Terceira, então parece-me óbvio que o processo será feito em alto mar, mas ao largo das ilhas. E acima de tudo, isto precisa de ficar tudo muito bem explicado… se daqui a uns anos a malta começar a morrer de uns quantos cancros estranhos a responsabilidade é tua e dos outros lacaios desta corja

  6. Leitor Costumeiro diz:

    A 200 milhas da Ilha das Flores está-se quase tão perto da Europa como dos EUA, correntes marítimas e ventos, bancos de pesca, etc são partilhados por milhões de pessoas na Europa e na América do Norte, basta ver a corrente do golfo pra perceberes o quero dizer. Nunca vi o pessoal tão preocupado com as Ilhas…Acreditem no que quiserem…

    • Francisco diz:

      “Nunca vi o pessoal tão preocupado com as Ilhas…” Já deu para perceber que tu te estás a marimbar. Que façam a 200 milhas de Nova York e não das Flores (isso eu queria ver).

  7. nf diz:

    Segundo a tua teoria, isso quer dizer que o transbordo ocorrer no porto italiano, a hidrólise vai ser feita no mar adriático?

    O que todos percebemos para já, é que tu não sabes, desculpa, sabias o significado da palavra transbordo. E agora estas a tentar tapar o sol com uma peneira.

  8. nf diz:

    “O que eu quero é a garantia absoluta que isto não vai ser feito em local nenhum a 2000 milhas das ilhas”

    Sabes que NY fica a menos do que 2000 milhas dos Açores?

  9. Leitor Costumeiro diz:

    Eu sou Açoreano e Terceirense e já vi bem pior feito por lá do que um simples transbordo … Conheço bem aquilo e estou a falar porque acho que isto é uma hipocrisia só para atacar gratuitamente tudo o que mexe, até acho que esta deve ser das melhores utilizações que já se deram à Base Americana. Como já disse acima, nesta ilha já se morre de cancros esquisitos há anos e nunca vi nem li nenhum protesto sobre isso…
    Estás cheio de ódio cego. Olha qu’isso faz-te mal…

    • Francisco diz:

      Tá certo, para ti o problema são os “Chemtrail“… eu nem vou fazer comentários sobre isso, quem quiser que se informe sobre isso e tire as suas conclusões. O que eu sei é que são muitas armas químicas que vão ser transferidas de um barco para outro na Praia da Vitória e que em seguida, num processo experimental, vão as destruir algures em águas internacionais perto dos Açores. Para mim isto é algo real e bem mais grave que os “Chemtrail”, mas enfim…

  10. Ana Rita diz:

    Mas vocês já perceberam que não vai haver nenhuma destruição de armas, não perceberam? Os EUA apanham-se com mais umas quantas armas (sejam elas quais forem) e vão “destruí-las”?? Só para rir..Quem quiser que compre a farsa.

  11. Augusto diz:

    Que o PS e o PSD resolvam acatar as ordens do amigo americano ainda percebo, não percebo é a posição do PCP.

    É claro que toda esta operação tem riscos, é óbvio que muitos aliados dos americanos já recusaram a sua colaboração, o Governo português uma vez mais colocou-se de cócoras,e os açorianos que se lixem.

  12. Carlos Carapeto diz:

    Porque motivo o transbordo desses produtos tóxicos tem que ser feito nos Açores e não na base de Norfolk ?

    Não são assim muitos dias de viagem e de certeza que era feito em maior segurança.
    E porque razão foi escolhido o Atlantico norte (águas internacionais entenda-se) e não outro qualquer local para destruir esses produtos?

    Podiam ter optado por os mares entre a Gronelandia e o Canadá.

    A razão dessas escolha está aqui, tanto os ventos como as correntes maritimas afastam um eventual perigo das costas Americanas.

    http://pt.wikipedia.org/wiki/Corrente_do_Golfo

    Depois à outra questão que não foi colocada , se houver necessidade (ou intenção) de atirar para o fundo do mar os contentores com os residuos resultantes da eliminação desses produtos tóxicos , os “tipos” sabem que é nessa zona que o Atlântico atinge maiores profundidades e que aí as correntes já se dirigem para a Europa.

    Está tudo estudado ao pormenor.

  13. rabo torto diz:

    Tanto chinfrim por assuntos que desconhecem;
    Já se passaram e passam momentos muito mais perigosos por estas bandas.
    Se fosse coisa séria vocês não saberiam de nada,só dá para rir,muitos ministros Machete é o que há por aí !!!!!!!!

    • Carlos Carapeto diz:

      É por haver tanta gente sensata de não se incomodar com m…. sem importância que chegamos até aqui.

      São mariquices sem interesse que os politicos têm o dever de pensar e decidir por nós, a maioria dos Portugueses não tem tempo a perder com coisas destas, têm mais com que se preocupar.
      Era o que faltava perder novelas, faltar às missas, deixar de ver futebol.

  14. Carlos Brito diz:

    Fico doente e sem cura possível, após ler tanta coisa e afinal tantos tão longe da verdade. Que sabeis vós acerca das causas de cancros desconhecidos nos Açores? Tal como todos os políticos das últimas décadas, da verdade nada se fala.
    Há o que constato, há cerca de trinta anos, uma prevalência elevada e a aumentar de vários tipos de cancro. Facto que se deve á elevada taxa de radioactividade na região, como consequência das ogivas nucleares (2)e dos próprios motores do submarino USS SCORPION, afundado ao largo da Faial em 1968, com a sua tripulação de 99 homens, após carga pelos russos em missões secretas de ambos.
    Sabe-se que o povo Açoreano, tem cerca de 300 anos de radioactividade nos seus ossos por esta causa. Sabe- se que a estação atômica russa Chernobyl, deixou uma nuvem radioactiva sobre S Miguel e Santa Maria. Sabe- se que as vacas comem erva e dão leite radioactivo. Sabe- se que o peixe deste Atlantico ilumina o mar durante a noite… sabe- se que os Açoreanos estão a morrer como coelhos abatidos sem dó por problemas que aos outros pouco ou nada importa. Sabe-se que a nenhum filho da puta, se preocupa com esta comunidade, desde que lhe encham os bolsos de recompensas. Lamento que ainda exista neste mundo, quem defenda o tratamento destas merdas ao largo dos Açores, façam- no a vossa porta, matem os vossos filhos e os vossos pais, mas deixem este povo trabalhador, que não incomoda ninguém, nem nada polui, viver o verde das suas ilhas vulcânicas, que por vezes, estas já são a causa do seu sofrimento.
    Lamento por aí, alguns que se dizem Terceirenses, não saberem defender a qualidade de vida dos seus irmãos. Serão certamente alguns dos aparentes experts emigrantes que vivem nas terras dos States, e que provavelmente, também a troco de muitos dólares, já tomaram o antídoto anti radiação, potássio iodado !!! Que se danem os outros !!!!
    Lamento e morro de vergonha por ser humano, pertencer a uma raça sem escrúpulos, gananciosos e sanguinários.
    Amo os cães!

Os comentários estão fechados.