Quase metade dos professores não fez a prova… e a manipulação das notícias e dos números

Este artigo do Expresso e este no DN dão conta dos números envolvidos na recente luta gloriosa levada a cabo pelos professores.

Os números dados nos artigos são:

  • 13498 inscritos
  • 3644 estavam inscritos em salas onde não decorreu o exame devido aos protestos
  • 1872  não fizeram o exame por não terem comparecido nas salas onde decorreram exames
  • No total 5516 professores não fizeram o exame, ou seja 40% não fez a prova.

Os sindicatos ontem disseram que quase metade dos professores não fizeram a prova, 40% não é metade, mas não é displicente dizer que é quase metade. E isto é assumindo que estes números são reais. Ou seja, pela sua luta os professores conseguiram, de facto, obstaculizar esta acção do governo. O boicote foi muito generalizado, de tal forma que não há qualquer sanção sobre quem boicotou.

coagidos

Mas quais são os títulos dos Jornais? É sempre a manipular… “Quase dois terços fizeram a prova” diz a Ana Bela Ferreira do  DN. Mas é isso a notícia ó Ana Bela? Não seria expectável que fosse a totalidade ou quase todos? A notícia, a informação relevante, não será que “quase metade não fez a prova”????? Já no Expresso a Isabel Leiria escreve em título “Um em cada quatro ‘profs’ impedido de fazer a prova“… Impedido? Recusaram-se a fazer a prova e combateram-na de forma militante! Ou será que a Isabel pensa que foram marcianos que desceram à terra e os impediram de fazer o exame?

Quanto muito a acção mais militante dos piquetes deu alguma coragem e confiança aos que cedendo à pressão e coacção do ministério foram fazer e vigiar a prova. Se alguém aqui foi impedido de alguma coisa, foi o governo de prosseguir a sua acção sem impedimentos e meia dúzia de lacaios seus serem carrascos dos colegas.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em 5dias. ligação permanente.

8 respostas a Quase metade dos professores não fez a prova… e a manipulação das notícias e dos números

  1. m. diz:

    1.

    1.1.Eu estive à porta na Escola Básica dos 2.º e 3.º Ciclos da Marquesa de Alorna, Lisboa.

    Os professores não foram impedidos de fazer a prova. E, de facto, como diz no seu post: os Professores «recusaram-se a fazer a prova e combateram-na de forma militante!».

    O Director da Escola deu um «papelinho em branco» com assinatura e o carimbo, não servindo como comprovativo aos Professores de que tinham estado fisicamente presente para prestar a prova. Esperou-se muito tempo pelo documento devidamente preenchido comprovando a presença dos Professores.

    Uma vergonha … Até a Polícia entrou na Escola Pública… Fui lá para ver com os meus olhos o que se passaria. Fiquei esclarecida. DEFENDO A ESCOLA PÚBLICA.

    2. Crato anda com os ditos (2.1.) problemas «gnoseológicos/cartesianos/kantianos» e (2.2) mesmo os de «morfogénese».

    Quer inventar um modelo lógico/matemático? Ora investigue.. Mas ele tem Doutoramento???
    Deixo-lhe aqui umas dicas e pode começar a sua criação «topológica».
    Nota: O Povo Português não lhe dá bolsas para isto, nem via Fundação Luso-Americana para as ditas bolsas «Fullbright Scholarships»: são dinheiros públicos do Povo Português.

    Agora sobre ditas «dicas»:

    No que se refere ao ponto (2.1.) problemas «gnoseológicos/cartesianos/kantianos»(IMMANUEL KANT):

    2.1.(i) SOBRE GNOSEOLOGIA:
    http://pt.wikipedia.org/wiki/Gnoseologia

    2.2. (ii) SOBRE IMMANUEL KANT:
    http://pt.wikipedia.org/wiki/Kant
    Pode ler texto: «A permanência do homem na menoridade se deve ao fato de ele não ousar pensar. A covardia e a preguiça são as causas que levam os homens a permanecerem na menoridade. Um outro motivo é o comodismo. É bastante cómodo permanecer na área de conforto. É cómodo que existam pessoas e objectos que pensem e façam tudo e tomem decisões em nosso lugar. É mais fácil que alguém o faça, do que fazer determinado esforço, pois já existem outros que podem fazer por mim. Os homens quando permanecem na menoridade, são incapazes de fazer uso das próprias pernas,são incapazes de tomar suas próprias decisões e fazer suas próprias escolhas.»
    ASSENTA QUE NEM UMA LUVA EM CRATO!!!

    2.3. SOBRE A MORFOGÉNESE:
    No que se refere ao ponto (2.2.) mesmo ditos de «morfogénese».
    Ele que contacte o Rupert Sheldrake nos EUA.

    2.3.(i) SOBRE RUPERT SHELDRAKE
    http://pt.wikipedia.org/wiki/Rupert_Sheldrake

    2.3.(ii) SOBRE O CAMPO MORFOGENÉTICO
    http://pt.wikipedia.org/wiki/Campo_morfogen%C3%A9tico
    Pode ler no texto: «Métodos educacionais que realcem o processo de ressonância mórfica podem levar a uma notável aceleração do aprendizado”, conjectura Sheldrake. E essa possibilidade vem sendo testada na Ross School, uma escola experimental de Nova York dirigida pelo matemático e filósofo Ralph Abraham.»

    No fim do texto: «Uma das primeiras experiências levadas a cabo por Sheldrake foi a dos ratos no laboratório. Foi recapturado do tempo em que ele começou a considerar os campos morfogenéticos. Consiste em ensinar a um grupo de ratos uma certa aprendizagem, por exemplo, sair de um labirinto, em certo lugar, por exemplo, Londres, para logo observar a habilidade de outros ratos em outro lugar então, por exemplo, Nova Iorque, deixar o labirinto. Esta experiência já foi levada a cabo em numerosas ocasiões dando resultados muito positivos.»
    ASSENTA QUE NEM UMA LUVA EM CRATO!!!

    (3) Querem fazer ainda mais colégios privados com o dinheiro dos contribuintes(o cheque-ensino) do Povo Portuquês?

    PASSOS/COELHAS/CRATOS/ RATOS/SOLARES DOS PRESUNTOS/ OPUS/CIAS («as irmandades»)…, ora que tal entrar numa de «empreendedores, empreendoristas do empreendorismo» com o vosso próprio dinheiro???

    (4)CRATOS &GLOBAL CORPORATIONS, Washington D.C. Inc., sonham com um «TEA PARTY» made in Portugal: «with lots of cups of tea and toasts».
    «I would say Crato: calm down, dear. Don’t be so greedy. You’ll SURELY go completely bonkers.»

    O Povo Português «trata-vos da saúde»: para «sonsos», «sonsos e meio»: «nem dão por isso»…«nem sei nada sobre isso» …

    4.1.Sobre os «completely bonkers»:Deixo uma última dica:

    4.1 (i) PSYCHEDELIC THERAPY
    http://en.wikipedia.org/wiki/Psychedelic_therapy
    Contactar guru norte-americano Stanislav Groff. A informação está no link. «Expertise» em «experiments».

    P.S.

    (1) Cá para nós, não é que o Daniel Oliveira ainda não terminou a tese de mestrado na LUSÓFONA? Nem imaginava…. A mesma universidade privada do RELVAS … que o CRATO mandou investigar e que aguardamos resultados da investigação com alguma «curiosidade» …

    (2) DIZEM-SE TODOS MUITO SÉRIOS.
    AGORA NÃO ENGANAM MAIS O POVO PORTUGUÊS.
    Só pensam em NEGOCIATAS e em «chular» o Povo Português: plano devidamente arquitectado e construído deliberadamente para destruir e dominar o Povo Português há décadas e décadas!!!.

    Digo já que não vão conseguir.

    Conheço a falsa teoria das estruturas estruturantes do poder dominante…não digo autores… estudem, estudem, «queimem as pestanas»… não dou bibliografia nem fontes, isso é que era bom. E já agora, queimem «as células cinzentas»: têm inteligência artificial a mais.

    (2) Ah, uma ideia, vão para um «fumeiro»: não sei o que resta no fim…mas menos «sujo» e «poluído», certamente que será.
    No fim da «passagem pelo fumeiro», não sei se presta alguma coisa: mas digo-vos como nos costumam dizer a, nós, Povo Português: «logo se vê», «não temos bolas mágicas», «não fazemos astrologia», «não fazemos actos de fé», etc., por aí fora.

    (3) Já agora.
    Qual é o vosso desvio/padrão linguístico obsessivo compulsivo???
    A vossa resposta: «Capital contra o Trabalho»
    Esclarecimento: isto é típico do PS/PSD e CDS e nos Movimentos/Momentos LIVRES e das ACADEMIAS ditas ANARCAS ….
    Bem, ando um bocado «confusa» porque andam pr’aí a dizer mal uns dos outros. Não são fiáveis, consistentes, de confiança. Não me venham com ritos ou rituais encantatórios de autoridade «afectiva». Conheço-vos de perto e longe…. São de uma inteligência artificial robotizada e plástica. Só papaguear e reproduzir «bytes» ….Que falta de imaginação e de criatividade… Noutra altura falo-vos sobre o que é a «destruição criativa»: CHAMA-SE MATAR.

    Quais são os vossos códigos/codificações culturais obsessivas compulsivas???
    A vossa resposta: A «Falta de Classe»

    N.B. O CRATO não passava uma PROVA comigo. Digo já.
    PULHAS E IGNORANTES!!!

    (4) «Nós, Povo Português estamos por cima». E sabem porquê? «Nós, o Povo Português somos da classe trabalhadora e, por conseguinte, temos consciência de classe». Nós é que temos CLASSE. E também conhecemos as ASSIMETRIAS DE CLASSE. a SOCIEDADE DE CLASSES…

    4.(i)Cá para nós, estas gentes de repente viraram certinhas e «católicas»: os ditos «vira-casacas», em linguagem popular.
    Eu cá gostava de utilizar outras terminologias e nomenclaturas…digo o que já disse, não dou bibliografia, nem fontes…

    (5) Uma última nota: em nome de quem é que o HUGO SOARES QUER UM AUMENTO???
    Resposta: em nome do PS/PSD e CDS porque estão feitos uns com os outros.Gente da DIREITA.

    Não vos chegam os escritórios dos advogados do PS/PSD E CDS??? Andam todos a ganhar COMISSÕES POR FORA, e põem o dinheiro nas offshores (melhor dizendo, nos «hedge-funds» tipo Quantum do Soros, Cayman Islands; vivem de juros, não fazem nada, não pagam impostos, e por aí fora) e a fazer umas LEIS, DEC-LEIS, DESPACHOS, PORTARIAS, inconcebíveis, ilegíveis … não vos chegam os Swaps, PPPs da Saúde, da Educação, dos Transportes, bem um «rol sem fim à vista»… DEMITAM-SE. TENHAM VERGONHA NA CARA.

    O Povo Português vai-vos fazer «PRESTAR CONTAS». NÃO TENHAM DÚVIDAS!!!

    (6) Só mais uma coisinha:
    Não me mandem mais coisas pelo correio a dizer «comunidade» e «para si». Não gosto das vossas intimidades: «comunidades, comunitárias e unitárias». Abusam da linguagem. Que «fartote»! Bolas!

  2. Luis Moreira diz:

    Quer dizer 2/3 fizeram a prova é um mau título mas 1/3 que não fizeram a prova “é uma grande derrota” (96% em greve como diz o alucinado Nogueira), é uma notícia cheia de virtude

    • Carlos Carapeto diz:

      E porque considera esse tal Nogueira um alucinado? Importa-se de revelar que alucinações o perturbam?

      E em que fossa septica mergulhou para encontrar os números que expõe ?

      Calculo que devia ter sido naquela onde desagua a retrete do governo.

  3. Os profs que fizeram a prova são bufos. Umas verdadeiras bestas. Tal como no Estado Novo havia os fachos que os eram por serem uns cobardes, e depois cuspiam naqueles que lutavam, por inveja.

  4. Dezperado diz:

    Faltaria acrescentar ao post que em Portugal, 1 em cada 25 trabalhadores no activo é professor.

    Irra que Portugal deve ser dos países da UE com mais alunos por metro quadrado.

    • Francisco diz:

      A verdade é que há turmas com 30 e 40 alunos, uma média muitíssimo acima da média. Esta direita trauliteira ultraliberal tem um enorme ódio à escola pública… Querem privatizar para dar mais um negócio aos amigos.

      • De diz:

        Irra que tem um enorme ódio à escola pública e ao conhecimento.
        Depois é ver os esgares de capos sinistros a caluniar tudo o que não mije na direcção que estes querem.
        Por exemplo sobre Saramago.Nem se exige que o leiam .mas que ao menos não o caluniem.
        A falta de professores também se revela na forma como analfabetos funcionais teclam desta forma tão desesperada.
        Saíram assim e reproduzem dessa forma acéfala o que lêem nos pasquins familiares

Os comentários estão fechados.