Bem educados mas insubmissos

Os desenhos animados hoje são feitos em computador, sem desenhadores, sem escritores ou guionistas. Baratinhos portanto. E os que têm alguma coisa que não sejam monstros a urrar – 24 horas por dia para os putos ficarem obesos e calados – oscilam entre o conservadorismo pentecostal (o Ruca cuja mãe, assexuada, está sempre disponível para ele) e a ausência de ideias, num mundo politicamente correcto (Nody e o seu amigo o «Sr Lei»).
Partilho convosco outros desenhos, politicamente incorrectos, para fazer miúdos inteligentes e divertidos e, tenho esperança, bem educados mas insubmissos 🙂

Anúncios
Esta entrada foi publicada em 5dias. ligação permanente.

5 respostas a Bem educados mas insubmissos

  1. Carlos Gois diz:

    Obrigado pela memória.
    Uma dedicatória aos Martims desta vida.

  2. João diz:

    Peço desculpa: apesar da qualidade da animação em cima, e da baixa qualidade dos exemplos que apontou, não dá para concordar como frases como “os desenhos de hoje são feitos a computador, sem desenhadores, sem escritores ou guionistas” sem a apelidar – a si- de reaccionária. Sabe-se onde está a ir e percebe-se a tropelia. Não há volta a dar a isso, porque a afirmação é falsa, e mesmo quando a animação é feita em condições precárias (e cada vez mais o é, ‘outsourçada’ às postas para o sudoeste asiático), tem sempre mão humana por trás. Pode dizer que é metafórico, que se refere ao carácter frio e inexpressivo da animação, e todavia não faz sentido nenhum perorar contra a técnica quando quer é falar do conteúdo. É que não são todos assim, e não vamos dar asas à imaginação pastoral pensando que a animação tradicional era feita com teatros de sombras.

  3. von diz:

    O problema da Raquel, mesmo se muitas das suas ideias são boas, é esta tendência ditactorial na forma de propor.

  4. Dezperado diz:

    “Os desenhos animados hoje são feitos em computador, sem desenhadores, sem escritores ou guionistas. Baratinhos portanto”

    Apesar de serem feitos em computador, alguem os desenha (os desenhadores), alguem escreve os dialogos (os escritores, ou guinistas)…..bens baratinhos????? aqui ve se bem que nao tem ideia do que esta a falar.

    A critica deveria ser a quem faz as dobragens, que em vez de contratarem actores, actrizes especializadas na materia, contratam qualquer pessoa só por ser uma cara conhecida na TV, sem formação para tal.

Os comentários estão fechados.