Vozes ao Alto – Praça de Espanha – 16h30 – 15/09 (amanhã)

“Se tremes de indignação perante uma injustiça no mundo, então somos companheiros.” – Che Guevara

5dias

A indignação é para os fortes, por isso não nos indignamos. A resignação é para os nobres, por isso não nos resignamos. O silêncio é para os grandes, por isso não nos calamos (dizia o poeta).

E eu não sou forte, nem nobre, nem grande.

Eu sou como tu: sofro e sonho e luto a cada dia para que o meu sonho seja maior, mais nobre, mais forte, mais que eu, mais que muitos. Tecemos a vida como a vivemos, como a lutamos como a sonhamos. Pela forma como nos colocamos lado a lado nos momentos de injustiça.

Que a voz nunca nos doa por sermos capazes de gritar mais alto. Que a voz nunca nos doa, mesmo se gritarmos sozinhos. Que a voz nunca nos doa por sermos capazes de deixar escapar da garganta ese grito, primeiro, último, imenso, que guardamos no peito e que este seja o perceber que é mais aquilo que nos une que o que nos separa.

Anúncios

Sobre Paula Gil

Passion for politics and journalism, full-time worker, arts lover, complicated and excessive person! The thunder and the laughter, the last thing they heard!
Esta entrada foi publicada em 5dias. ligação permanente.