Depois da refundação do estado, a refundação da separação de poderes

Depois de Rousseau, Montesquieu – com Orwell q.b..

Diz o Presidente do Sindicato dos Magistrados do Ministério Público Rui Cardoso:

Está em implementação o Sistema Integrado de Informação Criminal, aprovado pelos “partidos do poder” com o indisfarçável propósito de controlar politicamente a investigação criminal e as informações que esta produz, aproveitando-as para fins que a Constituição não permite, como a “prevenção de ameaças graves e imediatas à segurança interna”, conceito que, como temos visto, hoje tudo abarca, até meras manifestações cívicas.

Esta entrada foi publicada em 5dias. ligação permanente.

Uma resposta a Depois da refundação do estado, a refundação da separação de poderes

  1. Grave, muito grave…

Os comentários estão fechados.