A televisão na noite do anúncio do Tribunal Constitucional

SICNotícias: entrevista de uma hora a Paulo Rangel (PSD)
RTPI: debate entre Braga de Macedo (PSD), Inês Serra Lopes (CDS/PSD) e Bacelar Gouveia (PSD)
CMTV: entrevista Ângelo Correia (PSD)

Apenas a TVI24 abria uma janela na frente PSD com João Semedo. Não me lembro de quem debatia com ele mas certamente que os nossos comentadores me irão ajudar.

Esta entrada foi publicada em 5dias. ligação permanente.

8 respostas a A televisão na noite do anúncio do Tribunal Constitucional

  1. Bolota diz:

    Quem debatia com João Semedo era Nuno Melo, Sobrinho neto do famigerado congo Melo

  2. IRMÃ LÚCIA DE CALCUTÁ diz:

    É a liberdade de expressão no seu melhor…Coisas dessas era só na URSS,dizem eles.

  3. JgMenos diz:

    Acho que era nessa que estava lá um personagem académico, figura de militante esquerdista refugiado em auréola científica, que divertiu bastante com os seus exercícios de objectividade comprometida ou como queiram chamar ao disfarce.

    • De diz:

      Não vi.
      O que vi foram esgares histéricos da direita encardida, de disfarce caído no chão e monca presa na carantonha a bramarem e a pedir para Passos continuar no poleiro custe o que custar.
      E entre dentes adivinhava-se o estribilho:
      “Quem manda? …salaz…passos,passos,passos”

      E o vómito espalhava-se pelas hordas dos fiéis seguidores

      • JgMenos diz:

        Lá o tens…lá o sentes!

        • De diz:

          O odor que se espalha pelo texto de Menos é ténue ,mas Menos tem peculiar cuidado em escrever num blogue que o obriga a comportar-se de forma um pouco mais civilizada.
          Menos já não tem pudor em afirmar algo mais “linear”noutros locais, espelhando de forma exemplar o sentir da alma de. :
          “Uma constituição fabricada por uma maioria de comunas e protocomunas que só levou uns retoques e está refém de quem comeu e quer continuar a comer do orçamento!”
          “aguardo ansiosamente o dia em que os Estado tem salários em atraso, ou corte 30% nos salários, ou faça uns despedimentos colectivos.
          Essa espera é que me dá azia”
          “Era o que faltava, sairmos do euro para manter essa tropa acantonada nos impostos e na dívida.
          Que o governo cumpra o que prometeu: perca as eleições mas salve o país.”

          Há mais.Hipócritas hoje não os aturo (embora não seja só isso)

  4. Rafael Ortega diz:

    8 comentadores, 1 de extrema esquerda.
    Mais ou menos a proporção de deputados que têm no parlamento.

    Não me parece nem muito, nem pouco, parece que está na exacta medida daquilo que os portugueses declaram nas urnas.

    • De diz:

      Essa mania do Ortega fazer contas parece mesmo as contas de um licenciado tipo Relvas.E as extrapolações do coitado definem-no como isso mesmo:um coitado
      Vamos agora a votos para sossegar o pequeno contabilista
      🙂
      Agora vamos contar os comentadores….um , dois,… como?
      Duplo 🙂

Os comentários estão fechados.