“Marxistas Também Amanhã” contra o “Socialismo” ou o “Socialismo” contra os “Marxistas Também Amanhã”?

"Marxismo Também Amanhã" e "Socialismo" testam argumentos perante as massas.

“Socialismo” e “Marxismo Também Amanhã” testam argumentos perante as massas. (Clique na imagem e deixe-se convencer).

Em resposta à corrente contra as correntes intitulada “Socialismo“, liderado por metade da direcção bicefala e, claro, por Francisco Louçã, Luis Fazenda e a UDP respondem com um documento chamado “Marxistas Também Amanhã“. Razão tem o Pedro Mexia, que no governo sombra da TSF identificou que o BE está claramente com um problema de verbo, ainda que estejam resolvidos sobre o tempo. Politicamente, uns e outros, para lá do combate táctico sobre o estilo da liderança ou a cor a usar nos cartazes, continuam de acordo estrategicamente: Há que caminhar rumo ao futuro e esse futuro será o Seguro de Costa.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em 5dias com as etiquetas . ligação permanente.

21 respostas a “Marxistas Também Amanhã” contra o “Socialismo” ou o “Socialismo” contra os “Marxistas Também Amanhã”?

  1. Starr diz:

    Renato, eu sei que é buédafixe usar gifs, mas não percebo por que raio usas esse, nem por que raio o associas ao convencimento das massas. Ou pelo menos, espero não estar a perceber.

    • Pensava que seria fácil, mas eventualmente enganei-me. São assim tão diferentes as moças? E lá em baixo, não circulam as massas?

      • Tima diz:

        O país na merda e eis que está de volta o trauliteiro que verborreia sobre a esquerda para lá do partido do marxismo puro e cristalino.

        • Está a falar para o “Socialismo” ou para o “Marxismo Também Amanhã”?

          • Tima diz:

            Você é que costuma voltar atrás aos seus comentários e alterá-los por isso de si estou pronto a receber lições de incoerência ou bicefelaia como preferir.
            Continue lá a mocar na esquerda que aqui não serve para mais nada.
            Não se esqueça de no dia 2 levar um cartaz anti Bloco de Esquerda. Pode ser que lhe abram a cabeça com uma pedra da calçada. Sim porque se servem para a polícia também servem para os Judas desta vida…

          • É curioso que nas manifestações “apartidárias” e “inorgânicas” costuma ser o BE, o do “Socialismo” e o do “Marxismo Também Amanhã”, a camuflar a sua identidade. Será por medo das pedras da calçada?

  2. Tima diz:

    Sim claro. Andam todos escondidos. Mas contamos sempre com os Renatos (ou pidescos) para os identificar a dedo. Já contou lá no MSE quantos são? E que vai fazer com eles? Vai-lhes dar com a moral cristalina ou com uma pedra da calçada?
    Com mais labuta sua quem sabe o Miguel Macedo até o condecora por valorosos serviços à luta anti-esquerdista!

    • Tima diz:

      Então Renatinho? Não publicou o comentário? Atingiu dói dói foi?

    • Deve estar esquecido sobre quem resolve diferendos à pancada timazinha. Ai deve, deve. E pidesco é a pqp!

      • Tima diz:

        Para tanta iniquidade o menino perdeu a compustura. Olhe que há putas muito mais sérias que as mães de muita gente… Vá lá não se irrite. Divirta-se antes a contar quantos bloquistas já estão no MSE e no Que Se Lixe a Troika e depois questione-se sobre o que fazer com essa seita? Como não é pidesco e como tem sempre um diálogo construtivo e nada mesmo nada sectário quero ver como vai contornar a realidade do BE nos movimentos sociais? Quer um livrinho negro para ir assentando os nomes ou finalmente vai cair na realidade que o rodeia e deixar de lado a verdorreia anti 4ª internacional e começar finalmente a procurar os inimigos à sua direita? Ou quem sabe os seus verdadeiros inimigos são a esquerda e você podia ir tentar alistar-se no Insurgente ou no Blasfémias ou no 31. Que bem que ficava ali ao lado do Moita de Deus a destilar ódio pelo BE já pensou?

  3. Espera lá, então, mas a corrente que acaba com todas as correntes não ia acabar com as correntes? Já estou a ficar confuso e eles cada vez mais acorrentados…

  4. Antónimo diz:

    Já é bom que no BE não se sintam tentados a meter um verbo nas frases só para fazer a vontade ao Mexia.

  5. pedras da calçada diz:

    Jeronimo de Sousa e uma delegação do PCP visitam neste momento a China, e outros paises XUXIALISTAS da Asia.

    Estranho que nesta viagem , não esteja incluida a Coreia do Norte .

    • Antónimo diz:

      Pela China têm andado mais vezes o PS e o PSD sempre que são Governo. Se calhar o amor não praticado que outros lhes atribuem pela Coreia do Norte é daquelas coisas que só os muito inteligentes (e bué originais) conseguem “estranhar”.

  6. Rocha diz:

    Depois de ver o Fazenda, a congratular-se pelo Partido Comunista Francês ter abandonado o símbolo da foice e do martelo com a justificação de ser “antiquado” fiquei com a ideia que o seu lema era “marxismo também para o caixote do lixo”.

    • Pedras da calçada diz:

      Mas o PCP tem óptimas relações com o PCF……

      Aliás como com o Partido Dito Comunista da China, que como se sabe, é um partido que se recomenda, pela defesa dos mais elementares principios do CAPITALISMO SELVGEM.

Os comentários estão fechados.